Friday, February 22, 2008

Morreram

Nesta sexta-feira, perdemos dois grandes atores. O primeiro foi Rubens de Falco, 76 anos, que morreu vítima de parada cardíaca provocada por uma embolia, em São Paulo.
De acordo com o site Terra, ele estava internado há cerca de dois anos no Centro Integrado de Atendimento ao Idoso (CIAI), em São Paulo, para tratar de problemas decorrentes de um derrame.

Rubens de Falco nasceu em 19 de outubro de 1931 em São Paulo. Ele começou a carreira fazendo teatro. Em 1963 atuou na montagem original da peça Os Ossos do Barão no Teatro Brasileiro de Comédia, em São Paulo.

Mas foi na televisão que Rubens de Falco ganhou mais destaque e reconhecimento do público. Ele participou de várias novelas e algumas séries. O personagem José Leôncio, o vilão da novela Escrava Isaura, de 1976, na Rede Globo, foi o ápice da carreira do ator. José Leôncio era o algoz de Isaura, interpretada por Lucélia Santos.
Em 2005, Rubens de Falco atuou no remake de Escrava Isaura na Record. Dessa vez, ele interpretou o comendador Almeida - pai de Leôncio - o dono da fazenda em que Isaura nasceu.



O segundo ator que morreu foi Oswaldo Louzada, 95 anos. A causa foi a falência múltipla de órgãos decorrente de uma pneumonia. Ele estava internado no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) do Hospital Copa D'Or, no Rio de Janeiro.
Oswaldo Louzada, ou Louzadinha como era carinhosamente chamado, nasceu no dia 12 de abril de 1912 no Rio de Janeiro.
Em 1944, Louzada mudou-se para São Paulo, onde fez parte do elenco de uma rádio-teatro na rádio Panamericana, sob a direção de Oduvaldo Viana.
Ator de cinema, Louzada participou de mais de 15 filmes, entre eles Uma Luz na Estrada (1948), O Assalto ao Trem Pagador (1962), Lampião, Rei do Cangaço (1964) e Uma Garota em Maus Lençóis (1970).
A partir de 1971, Louzada passou a se dedicar mais à televisão. Sua primeira novela foi Bandeira 2, na Globo, no mesmo ano. Ele também participou de novelas como Vamp (1991), Uga Uga (2000) e Mulheres Apaixonadas (2003), onde se destacou interpretando Leopoldo Duarte, um vovô bonzinho que era maltratado pela neta Dóris (Regiane Alves).
Seu último trabalho na Globo foi uma participação no seriado Sob Nova Direção em 2004.

1 comment:

Fox said...

Sorry. Look please here